Uma MAV q não me impede de viver!!!

LUCIANA KELE DORINI

AVENIDA IGUACU
MANGUEIRINHA
85540-000
4632431354
ludorini@hotmail.com

Notícias

O clima de romance surgiu... O amor está no ar… Que lindoooooo… Mais um dia dos namorados chegou…...
Dia 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e...
Pense num domingo de sol, céu azul e uma linda bebê, de mais ou menos um ano e meio, com um pequeno...

Manhêêêêêêêêêêêêêêêêêê...

12/05/2017 13:53

Mãe, onde tá meu tênis???

Mãe, porque isso???

Mãe, não consigo dormir...

Mãe, será que vai esfriar???

Mãe, tô com medo...

Mãe, você viu meu trabalho de português, tenho que entregar hoje...

Mãe, tô com fome...

Mãe, não conta pro pai...

Mãe, ele acabou tudo comigo...

Mãe, passei  no vestibular!!!

Mãe, tô com dor de cabeça...

Mãe, vou casar!!!

Mãe, tem dinheiro???

Mãe, faz um lanche pra mim???

Mãe tô grávida!!!

Mãe, não se mete!!!

Mãe, tá tudo bem???

Mãe, ele tá com febre, o que eu faço???

Mãe, que saudade de você...

 

Mãe, mãe, mãe, mãeeeeeeeeeeee...

 

Desde que começamos a balbuciar nossos primeiros sons, o “mãmãmã” já é o nosso preferido... aí crescemos e continuamos a falar 50 mães de um total de 100 palavras...  é mãe pra lá, é mãe pra cá... é mãe para pedir ajuda; é mãe para pedir conselho; é mãe para chorar; é mãe para desabafar; é mãe para dividir as alegrias; é mãe para xingar, é mãe para querer cuidar; é mãe para aprender ser mãe também; é mãe para sentir saudade...

É engraçado que mesmo já sendo mãe também, jamais deixaremos de precisar da nossa mãe, estando ela onde estiver... 

É engraçado que desde à infância até a velhice, as mães sempre têm algo a nos ensinar.. 

É engraçado que para todas as dores do corpo, da alma e do coração, a mãe tem sempre o melhor remédio dentro do seu abraço...

E é por isso que o coração aperta, os olhos ficam marejados, porque ao falar de mãe, eu falo também de amor... porque ao falar de mãe, eu falo de doação... porque ao falar de mãe, eu falo de emoção com emoção... porque ao falar de mãe, eu falo com amor de filha..

Não há como lembrar de nossas mães, biológicas ou do coração, sem sentir um aperto no peito por todas as noites que elas não dormiram... por todas as lágrimas que derramaram por nós... por todos os abraços calorosos... por todas as vezes que largaram suas vidas para viver as nossas...

Não há como falar de nossas mães sem pedir desculpas por todas as vezes que não lhe demos o carinho que elas mereciam, e sem agradecer por tudo, tudo, tudo que sempre fizeram por nós...

Nã há como desejar felicidades sem reconhecer todo o seu valor... 

Não há como dar os Parabéns sem um forte abraço... 

Não dá para ser dia das mães, sem um sonoro "EU TE AMO"... 

 

A todas as mães que como a minha já estão nessa estrada há muitos e muitos anos... já viram seus filhos e seus netos crescer e não perderam a doçura que ganharam no primeiro choro do seu bebê... 

A todas as mãezinhas de primeira viagem, que choram quando seus filhos choram, que não sabem direito o que fazer, e que por muitas vezes recorrem à sua mãe pedindo socorro...

A todas as mães que não sentem dores e nem ficam doentes, por pura falta de tempo... 

A todas as tias, madrinhas, avós que assumem seus filhos por amor... 

A todos os pais que também são mães... 

A todas as pães, que além de ser mães também são pais... 

UM SUPER DIA DAS MÃES regado com muito amor...