Uma MAV q não me impede de viver!!!

LU DORINI

AVENIDA IGUACU
MANGUEIRINHA
85540-000
4632431354
ludorini@hotmail.com

Notícias

Que viva o meu filho!

09/05/2020 13:58
"Se for preciso escolher, que viva o meu filho."   Sem ao menos saber a cor dos seus olhos, a...
A caminhada no parque está deliciosa, mas o sol quente está acabando com suas forças, eis então que...
Não sou Barbie, mas sou Linda!!!     Você é feliz com sua...

Que viva o meu filho!

09/05/2020 13:58

"Se for preciso escolher, que viva o meu filho."

 

Sem ao menos saber a cor dos seus olhos, a textura da sua pele, o som do seu choro, se uma mulher precisar escolher entre a sua vida e a vida do seu filho, ela escolherá morrer por amor...

 

Mas que amor é esse, tão pulsantee, tão puro, tão sublime?

Que amor é esse, que se faz mais forte pelo seu fruto, que pelo seu próprio ser?

 

Esse é o amor de MÃE!

 

De mãe de sangue, de mãe de coração...

De mãe tia, de mãe madrinha, de mãe avó...

De mãe irmã, de mãe madrasta...

De mãe...

 

Esse é o amor de mãe...

  • Que nos rega de esperança quando tudo parece perdido...
  • Que nos cura, apenas com um beijinho...
  • Que nos sorri mesmo com vontade de chorar...
  • Que nos perdoa até pelo que parece não ter perdão...
  • Que nos nutre através do próprio corpo...
  • Que nos enriquece mais, que qualquer tesouro...

 

Esse é o amor de mãe...

 

Inexplicavelmente, inexplicável...

 

Incomparável...

Inconfundível...

Inesgotável...

 

Mas como um amor que nasce na gestação, dura toda uma vida?

 

  • Correção, ele dura mais que uma vida...

 

E ele dura para sempre, porque é uma energia renovável, que permite aumentar e multiplicar, se alimentando do que é mais simples:

  • Um olhar;
  • Um sorriso;
  • Uma palavra terna;
  • Um abraço;
  • Uma flor;
  • Um carinho; ou ainda...
  • Um simples muito obrigado

 

Ah, que amor é esse, que me faz chorar só em pensar???

 

Parabéns mamães, e mesmo sem apresentações dos pequenos nas escolas, ou sem os abraços apertados dos grandes, que vocês sintam o nosso carinho, a nossa gratidão, e o nosso amor...

 

É, o nosso sim, porque hoje eu falo em meu nome, e em nome de todos os filhos que como eu, sentem um orgulho que não cabe no peito pelas suas mães...

 

Gratidão, D. Lúcia, por me ensinar o que é ser mãe, mesmo, eu só sendo filha...